12 jun 2021 | 17:47:23

Zilhão Dolar supera Tácio na Prova Especial Max Perlman

Potro do Haras Free Way segue invicto no “retão” de Cidade Jardim.


Zilhão Dolar venceu em final escamado

Imagem: Porfírio Menezes/Divulgação JCSP

Principal embate deste sábado (12), no Jockey Club de São Paulo, a Prova Especial Max Perlman, em 1.000m na pista de grama (macia), para produtos de 2 e mais anos, foi vencida por Zilhão Dolar, 2 anos, filho de Tiger Heart e Shootout (Skypilot), de criação e propriedade do Haras Free Way.

Como esperado por boa parte do público turfista, Zilhão Dolar e Tácio movimentaram um páreo à parte, desde a largada. Icelandic e Don Arlindo, nas duas posições subsequentes, corriam no aguardo de algum eventual vacilo dos dois favoritos.

Terminando o prolongamento da reta de chegada, Zilhão Dolar definiu-se em primeiro e deu impressão de que se desvencilharia de Tácio. Este, contudo, reagiu, por dentro, voltando a carga sobre o adversário e chegando, inclusive, a sacar ½ corpo sobre Zilhão Dolar, na altura dos últimos 150 metros.

Numa nova reviravolta, porém, Zilhão Dolar – recebendo direção enérgica de José Aparecido – emplacou uma última estocada, nos lances decisivos da competição. No disco, sacou focinho sobre Tácio, que perdeu corrida sem nome. Icelandic foi o terceiro. Don Arlindo o quarto. Não correu: King Two.

Treinado, em Curitiba/PR, por Marcos Decki, Zilhão Dolar soma 3 vitórias em 4 saídas. Invicto no quilômetro gramado de Cidade Jardim – onde vinha de vencer o Clássico Presidente Herculano de Freitas (L) – assinalou 55.91, com finais de 22.11 e 11.70.

Mais notícias

No domingo, Enable retorna para o último capítulo de sua saga nas pistas

Corredora do Príncipe Khalid Abdullah reaparecerá no Eclipse Stakes (G1), na retomada de sua jornada visando o inédito “tri” do Arco.

Keep Koller foi o melhor na Prova Especial Old Master

Defensor do Stud Eternamente Rio começou a campanha com vitória.

Argentina: brasileiro Ferroseed conquista listed

Filho de Wild Event, pertencente ao Stud Rio Dois Irmãos, venceu o Clásico Comparacion (L), em La Plata.