18 fev 2018 | 18:56:27

Freeway Speed supera as mais velhas na Gávea

Potranca do Haras Santa Maria de Araras venceu a Prova Especial Garbosa Bruleur.

Freeway Speed venceu de ponta a ponta

Imagem: Gérson Martins

Freeway Speed, 3 anos, filha de Wild Event e Via Condotti (Smart Strike), de criação e propriedade do Haras Santa Maria de Araras, prevaleceu na Prova Especial Garbosa Bruleur. O páreo, disputado neste domingo (18), na Gávea, destinou-se a éguas de 3 e mais anos, na distância dos 1.600m na pista de grama (macia, com 6m de cerca móvel).

Apurada por Waldomiro Blandi, Freeway Speed mandou-se para a ponta logo após a partida. Em segundo corria a argentina Tapera (Forestry). Domenica (Redattore) e Kanton (Drosselmeyer) disputavam, emparelhadas, o terceiro. Étoile Des Étoiles (Wild Event) e Lady Ju (Silent Times) alternavam-se na quinta posição.

Durante toda a reta de chegada, Tapera buscou, insistentemente, desalojar Freeway Speed da posição principal. Na pegada da dupla, Domenica igualmente se apresentava de modo ameaçador. Numa demonstração de brio e qualidade, porém, Freeway Speed defendeu-se com sucesso das investidas adversárias, batendo Tapera por ½ corpo. Domenica (1) ficou com o terceiro posto. Étoile Des Étoiles (5 e ½) e Kanton (5 e ¾) completaram o marcador.

Depois, Lady Ju, Estella Rossa, Sweet Nana, Electora, Middle Fast e A Chuva. Ilha de Páscoa e Say It Again não foram apresentadas.

Treinada por Christiano Oliveira, Freeway Speed conquistou a terceira vitória (consecutiva) em 5 saídas. Tempo de 1:29.67 para a milha.

Mais notícias

Olympic Harvard vence listed no Uruguai

Alazão do Haras Regina obteve batismo clássico em Maroñas.

Ler na íntegra

Pela primeira vez na América, Enable atuará na Breeders’ Cup Turf (gr.I)

Craque de Khalid Abdullah abrilhantará o festival norte-americano e poderá colocar tabu abaixo: vencer, sem sequência, o Arco do Triunfo e a prova dos fundistas, na Breeders’ Cup.

Ler na íntegra

Internacional: nos EUA e na Irlanda, Monomoy Girl e Sea of Class brilharam em versões do Oaks

Tradicionais provas de G1, reservadas às potrancas de 3 anos nascidas no hemisfério norte, movimentaram o fim de semana do turfe internacional.

Ler na íntegra