Banner Haras Regina Topo
17 fev 2019 | 17:53:39

Grandeza abre a tríplice coroa no GP Henrique Possolo (gr.I)

Potranca do Haras Santa Maria de Araras conquistou seu batismo clássico, diretamente em prova de G1.

Grandeza venceu em alto estilo.

Imagem: Sylvio Rondinelli/Divulgação JCB

Primeiro embate de graduação máxima deste domingo (17), no Jockey Club Brasileiro, o Grande Prêmio Henrique Possolo (gr.I), em 1.600m na pista de grama (pesada), para potrancas de 3 anos, deu início à tríplice coroa. Vitória de Grandeza, filha de Put It Back e Vanua Levu (Wild Event), de criação e propriedade do Haras Santa Maria de Araras.

Doppio Shanghai (Shanghai Bobby) assumiu a largada, após a partida. Mariko Mori (Cape Town) disputava o segundo com Grandeza, acionando Mendieta (Cape Town) em quarto. Pineapple Pie (Wild Event) completava o lote das cinco primeiras.

Lisboeta (Quick Road), Gana Forte (Put It Back), Little Bad Girl (Agnes Gold), Gaivina (Gone Astray), Naomi Broadway (Salto) e Olympic India (Shanghai Bobby) apareciam nos postos subsequentes.

Terminada a reta oposta e superada a última curva, Grandeza ingressou na reta final em francos avanços sobre Doppio Shanghai. Na seta dos 500 finais, Grandeza tomou conta do páreo, com Doppio Shanghai abdicando da disputa. Nas imediações, avançavam Lisboeta e Mendieta.

Quando exigida por Marcelo Gonçalves, na altura dos 300 metros finais, Grandeza acabou com o páreo. Aumentando, ainda mais, a margem que lhe separava das demais, Grandeza cruzou o espelho, absoluta, com 2 corpos e ¾ de vantagem sobre Lisboeta. Pineapple Pie (4 e ½) e Gaivina (5 e ¾) completaram o marcador.

A seguir, Naomi Broadway, Little Bad Girl, Olympic India, Gana Forte, Mariko Mori e Doppio Shanghai.

Treinada por Christiano Oliveira (venceu seu segundo Possolo seguido – ano passado, com Fanciful), Grandeza conquistou a segunda vitória (primeira clássica) em 6 corridas. Vinda de formar a dupla no GP Mariano Procópio (gr.III), percorreu a milha no tempo de 1:35.27.

Mais notícias

Desejada Naka desacata os machos e bate recorde na trilha do “Bento”

Corredora da Coudelaria F.B.L. apresenta-se como um dos melhores animais em treinamento no turfe gaúcho.

Ler na íntegra

Fitzgerald supera Gandhi Di Job em Maroñas

Parelha brasileira, pertencente ao Stud La Fe, emplacou dobrada no Clásico Pablo Gelsi e José M. Ferro.

Ler na íntegra

Criação: Kentuckian desembarcará no Paraná

Vencedor de G3, norte-americano será o primeiro filho de Tiznow a servir na criação brasileira.

Ler na íntegra