17 jan 2021 | 20:30:07

Honra Real conquista o GP Ciudad de Montevideo (G1)

Brasileira, criada pelo do Haras Niju, venceu a primeira das quatro provas principais do festival máximo uruguaio.

Honra Real superou a favorita Instamancha

Imagem: Ovacion Digital

Neste domingo (17), no Hipódromo de Maroñas, éguas de 3 e mais anos deram início às provas clássicas do festival máximo uruguaio, ao disputar o Gran Premio Ciudad de Montevideo (G1), em 2.000m na areia. Vitória da brasileira Honra Real, 3 anos, filha de Agnes Gold e Un’Altra Rafaela (Northern Afleet), de criação do Haras Niju e propriedade do Stud Rimar.

Corrida de alcance, por Pablo Rodríguez, Honra Real recebeu a partida na cabeceira da curva. Ingressando, em franca evolução, na reta final, Hora Real passou para sétimo e abriu fogo para cima das ponteiras.

Tomando a dianteira, na altura dos 300 finais, Honra Real aparou, sem dificuldades, um último tropel da favorita Instamancha. Derrotou a adversária por 2 corpos. Blossom, Fanatica e a brasileira Villa D’Este (uma Agnes Gold da Fazenda Mondesir) completaram o placar.

Treinada por Pablo Gonzáles, Honra Real conquistou a 4ª vitória (1ª clássica) em 9 saídas. Trata-se de uma neta de Queen Desejada, que figura como a primeira – e até aqui única – égua a vencer o GP Brasil (G1), no século XXI.

Tempo de 2:04.36.

Mais notícias

Melhor Maneira conquista a Prova Especial Mensageiro Alado

Corredora do Stud Verde deixou adversários para trás, no quilômetro.

Ler na íntegra

EUA: retorno de Jolie Olímpica e exportação de Royal Ship movimentam a semana

Craque invicta alinhará, no sábado, no Buena Vista Stakes (G2). Candidato à tríplice coroa teve sua exportação confirmada.

Ler na íntegra

Guaruman brilha no GP Estado do Rio de Janeiro (gr.I)

Destinado a produtos de 3 anos, o Grande Prêmio Estado do Rio de Janeiro (gr.I), em 1.600m na pista de grama, foi disputado nesse domingo (12), na Gávea, marcando a abertura da tríplice coroa. Vitória de Guaruman, filho de Siphon e Ukulele (Yagli), de criação do Stud La Nave Va e propriedade do Haras Planície.

Ler na íntegra