17 fev 2020 | 15:27:05

Estados Unidos: Wind of Change estreia com terceiro em listed

Brasileiro, de Amancio Alonso e Some In Tieme Inc., debutou no Pelican Stakes (L), vencido por Killybegs Captain.

Killybegs Captain aproximou-se do recorde. 

Imagem: SV Photography/RacingDudes.com

No sábado (15), em Tampa Bay Downs, produtos de 4 e mais anos disputaram o Pelican Stakes (L), em 1.200m na areia, com US$ 100 mil de dotação. Cumprindo sua estreia, nos Estados Unidos, o brasileiro Wind of Change obteve bom terceiro lugar, em prova vencida, pela segunda vez, por Killybegs Captain.

Mandando na prova desde a largada, Killybegs Captain (vinha de encarar Maximum Security, em Nova York) obteve fácil vitória. Mesmo desarmado pelo jóquei, Samy Camacho, nos últimos 150 metros, Killybegs Captain (um Mizzen Mast em mãe Holy Bull) parou os relógios na marca de 1:09.24, ficando a 57 décimos do recorde da distância. O ganhador obteve a sétima vitória em 26 saídas. Também vitorioso em prova de G3, Killybegs Captain destaca-se, ainda, por um terceiro lugar para Mitole (eleito Champion Sprinter, nos EUA, em 2019) no Forego Stakes (gr.I) do ano passado.

Conduzido por Daniel Centeno, Wind of Change acompanhou de perto o ritmo do páreo, em quarto. Ingressou na reta final já em terceiro, posição que sustentou até o disco. Finalizou a 5 corpos e ½ do ganhador, em lote composto por 9 animais.

Wind of Change é um 5 anos, filho de Forestry e Academia Real (Banker’s Gold), treinado por Efren Loza Jr. Criado pelo Haras São José da Serra, defendia, no Brasil, os interesses do Stud Pixote, com treinamento de Julio Cezar Sampaio. Em 10 saídas na Gávea, obteve 5 primeiros lugares, incluindo os Clássicos Breno Caldas (L), Eurico Solanés (L), Itajara (L) e o GP João José e José Carlos de Figueiredo (gr.III). Esse último compromisso, em outubro do ano passado, foi a derradeira do corredor, em seu país natal.

Mais notícias

Troféu Mossoró 2019: não deixe de votar!

Votação (exclusiva para os associados da ABCPCC) até o dia 30 de julho para eleger melhores do ano.

Ler na íntegra

Com silêncio nas arquibancadas, Royal Ascot tem início, na Inglaterra

Festival centenário do turfe britânico teve seu primeiro dia de disputas – sem a presença de público – nesta terça-feira.

Ler na íntegra

Cristal: Samurai faz as pazes com o disco em Porto Alegre

Alazão do Stud Vinicius Roehrs foi o melhor no Clássico Tribunal Regional do Trabalho

Ler na íntegra