Banner Haras Regina Topo
06 Fev 2018 | 12:49:51

Flight Time seguirá para o exterior e tem ausência confirmada na segunda prova da tríplice coroa

Vencedor do GP Estado do Rio de Janeiro, no último fim de semana, deixará o Brasil na condição de invicto.

Flight Time seguirá para o exterior na condição de invicto

Imagem: Sylvio Rondinelli/Divulgação JCB

Se antes mesmo da disputa do GP Estado do Rio de Janeiro (gr.I) muito se especulava sobre a exportação de Flight Time, após a vitória no G1 o corredor teve, enfim, confirmada a sua despedida do Brasil. Assim, Flight Time não atuará do GP Francisco Eduardo de Paula Machado (gr.I), que no primeiro fim de semana de março, dará sequência à tríplice coroa.

A informação foi confirmada hoje (6), por Eduardo Schuch, titular do Black Opal Stud, que detém a propriedade do corredor. Schuch afirmou, ainda, que por ora não há outros detalhes sobre a data do envio de Flight Time ao exterior, tampouco sobre seu destino.

Criado pelo Haras Santa Maria de Araras, Flight Time produziu 4 apresentações no Brasil. Em agosto, na estreia, venceu eliminatória na Gávea, em 1.200m na areia. Em seguida, emendou primeiros lugares na Prova Especial Daião (1.400m na pista de grama) e no GP Júlio Cápua (gr.III, 1.600m na pista de grama), ambos reservados a produtos de 3 anos. Por fim, no último domingo, confirmou seu favoritismo no GP Estado do Rio de Janeiro (gr.I). Ângelo Márcio Souza foi o único jóquei de Flight Time, treinado por Roberto Solanés.

O filho de Put It Back, criado pelo Haras Santa Maria de Araras, será o segundo produto da fantástica matriz, Quanto Carina (Wild Event), a seguir para o exterior. O primeiro, Baccelo (Northern Afleet), após vencer o GP Jockey Club Brasileiro (gr.I) no país natal – sem prejuízo de chamativas colocações – revelou-se múltiplo ganhador de G3, nos Estados Unidos, tendo, no entanto, desaparecido precocemente.

Mais notícias

Nota de Falecimento: Antônio Alvani

Antônio Alvani Imagem: Porfírio Menezes Um dos mais consagrados profissionais de turfe do Brasil, ex-jóquei e ex-treinador Antônio Alvani, faleceu hoje pela manhã, aos 75 anos, no Hospital Regional da cidade de Araranguá, em Santa Catarina. Antonio Alvani Miguel, nascido em 06 de outubro de 1942, começou a carreira, em 1958, no antigo prado Moinhos de Vento, em Porto Alegre.... [continua ]

Ler na íntegra

My Green prevalece na Prova Especial Emabruk

Filha da excelente Light Green obteve a primeira vitória na chamada nobre de Cidade Jardim.

Ler na íntegra

Folia de Domingo faz a festa na sabatina carioca

Potranca do Haras Santa Maria de Araras conquistou o Clássico Armando Carneiro (L).

Ler na íntegra