Banner Haras Regina Topo
04 Fev 2018 | 23:25:39

Entre os milheiros, melhor para Invader

Clássico Barão e Baronesa Von Leithner (L) marcou vitória do corredor do Stud Estellinha.

Invader prevaleceu em final de emoção

Imagem: Gérson Martins

Derradeiro embate de chamada clássica deste domingo (4), no Jockey Club Brasileiro, o Clássico Barão e Baronesa Von Leithner (L), em 1.600m na pista de grama, para produtos de 3 e mais anos, foi vencido por Invader, 5 anos, filho de Red Rock Canyon e Naviraí (Know Heights), de criação do Haras Las Madres e propriedade do Stud Estellinha.

Tiro Ao Alvo (Roderic O’Connor) mandou-se para a dianteira, após a largada. Un Pingo (Redattore) corria em segundo, acionando Huber (Acteon Man) em terceiro. Knowledge (Vettori) e It’s My Boy (Holy Roman Emperor) completavam o lote dos cinco primeiros.

Depois, Devil Cat (Drosselmeyer), Invader, Hard Trick (Agnes Gold), Kaxinguelê (Good Reward) e Paint Naif (Crimson Tide).

Na reta de chegada, Tiro Ao Alvo não dava sinais de que se entregaria com facilidade. Pelo contrário, até os últimos 200 metros, seria muito difícil supor que o defensor do Stud O Nacional restaria alcançado, por algum de seus adversários. Quando faltavam 100 metros para o disco, porém, o ritmo do ponteiro caiu. Invader, por outro lado, lançado numa atropelada pelas balias internas, arremeteu com disposição.

Numa bela condução de Ângelo Márcio Souza, Invader sacou cabeça sobre Tiro Ao Alvo, que perdeu corrida sem nome. Em terceiro, a pescoço, Huber. Knowledge (1/2) e Kaxinguelê (1) deram números finais ao marcador.

Depois, Devil Cat, Paint Naif, It’s My Boy, Un Pingo e Hard Trick.

Roberto Solanés, que havia enviado Flight Time para a raia, horas antes, encilhou Invader na conquista de sua sétima vitória em 13 corridas. Vencedor do GP Presidente da República (gr.I), GP Gervásio Seabra (gr.II), deste mesmo Clássico Barão e Baronesa Von Leithner (L), em 2017, e da Prova Especial Bal A Bali, Invader parou os relógios na marca de 1:33.80.

Mais notícias

EUA: Gun Runner, da Three Chimneys, vence o terceiro G1

Corredor do brasileiro Gonçalo Torrealba firma-se como um dos melhores animais do dirt norte-americano.

Ler na íntegra

De ponta a ponta, Thunder Snow vence a Dubai World Cup (gr.I)

Em dia perfeito para a Godolphin, filho do australiano Helmet rendeu sétimo troféu à poderosa farda azul.

Ler na íntegra

Gibraltar Point, de bandeira a bandeira o melhor no Presidente da República - CSN

Castanho escuro do Haras Kigrandi conquistou novo êxito clássico para sua campanha.

Ler na íntegra