Banner Haras Regina Topo
29 Out 2017 | 23:09:37

Capanegra confirma favoritismo e vence, pela segunda vez, o GP Bento Magalhães

Maior prova do turfe pernambucano foi realizada neste domingo (29), no Hipódromo da Madalena.

Capanegra tornou-se bicampeão do GP Bento Magalhães

Imagem: Sergio Bernanrdo/Jornal do Commercio (arquivo)

Neste domingo (29), o turfe pernambucano promoveu o seu mais importante festival. Com as dependências do Hipódromo de Madalena tomadas por grande público, realizou-se a 49ª edição do Grande Prêmio Bento Magalhães, em 2.400m na pista de areia, para produtos de 3 e mais anos. Pelo segundo ano consecutivo, vitória de Capanegra, 6 anos, filho de Public Purse e Give Me Hope (Top Size), de criação de Ulisses Lignon Carneiro e propriedade do Stud Magi.

Enquanto Sempre Bem (Vettori) ditava o ritmo da competição, na dianteira, H. Melo mantinha Capanegra na sexta colocação, bastante distanciado. Ganhando posições a partir dos últimos 1.000 metros, Capanegra embalou durante a última curva, tomando de golpe a primeira posição no ingresso à reta final.

Na reta de chegada, Capanegra restou levado para as balizas de fora, e em momento algum deu impressão de que poderia perder o páreo. O castanho manteve, com facilidade, a margem que lhe separava de Cavalo Marinho (Silver Train) – o segundo colocado, cerca de 7 corpos trás do vencedor. Sixteen Tons (Pioneerig), Three Wise Man (Vettori) e Sembre Bem deram números finais ao marcador.

Jaime Lemos responde pelo treinamento de Capanegra, que já havia vencido, em 2017, o GP Edísio Pereira.

Fernando, 7 anos, filho de Bonapartiste e Quirk Trick (Ghadeer), de criação do Haras Valente e propriedade do Stud R & R, venceu, também pela segunda vez, o Grande Prêmio Pedro e Gilson Alain Teixeira, em 1.700m na pista de areia, para produtos de 3 e mais anos. Tchê Barbaridade formou a dupla. Fernando teve a condução de F. H. Costa e treinamento a cargo de A. Magno (assista ao replay aqui).

Já no Grande Prêmio Romeu Medeiros, em 1.000m na areia, para produtos de 3 e mais anos, vitória de Sulamericano, 6 anos, filho de First American e Face To Face (Burooj), de criação da Agro Pastoril Haras São Luiz e propriedade do Stud São José dos Bastiões. Kamal (First American) formou a dupla. Conduzido por A. Maciel, Sulamericano é treinado por M. Ferreira (assista ao replay aqui).

Mais notícias

Entre os arenáticos, Lô Felipe leva a melhor

Tordilho do Haras Phillipson conquistou o Clássico Delegações Turfísticas - Planatlântica (L).

Ler na íntegra

"Champion sprinter", Wenzel Blade é retirado à reprodução

Melhor velocista do Brasil, e da América do Sul, em 2016 servirá na Coudelaria Colaço, em Piraquara/PR

Ler na íntegra

Maroñas: Fitzgerald dá show em listed e coloca Piñeyrúa na mira

Crioulo do Haras Santa Maria de Araras esbanjou categoria no Clásico Argentina (L). Dos cinco primeiros, quatro criados no Brasil.

Ler na íntegra